10 julho 2010

As Festas da Cidade 2010

Já arrancaram, neste fim de semana, as celebrações das Festas da Cidade de Fafe em honra de Nossa Senhora de Antime. O Programa oficial, com menos dinheiro que anos passados, cumpre a tradição. Para além das festividades de cariz mais religioso, existe uma animação musical "eclética", o tradicional fogo de artifício, animação de rua e a promoção da nossa gastronomia local.
Afinal, o que tem de bom e de mau o programa deste ano? O que deveria ser melhorado nas próximas edições? O que faz falta e o que poder-se-ia evitar?

11 comentários:

Anónimo disse...

Parece-me que seria bom dar oportunidade de actuação a bandas alternativas, isto é, música diferente. Os jovens agradeciam. E era uma boa oportunidade para ir buscar bandas menos conhecidas no início da carreira, que são mais baratas.

Luís Peixoto disse...

Ontem foste ver os Corvos? Aquilo já me pareceu bastante alternativo...

é dificil agradar a todos.

Mafalda Veiga parece excelente

José Camelo disse...

Podia-se deixar livres os parques de estacionamento - ex. aquele da zona alta do parque da cidade. Porque será que nos dias em que a cidade recebe mais vistantes (16 de Maio, Senhora de Antime... ) os parque de estacionamento são ocupados pelos "carrinhos de choque" ou por palcos? É mesmo para meter os carros em cima do passeio? Ou para andar às voltas meia hora à procura de um descampado?

Luís Peixoto disse...

DICA: eu encontro solução sempre no Largo da Feira (não se paga e há muito por onde estacionar) xD

se os carrinhos não estivessem no local onde estão agora... não consigo ver outro sitio melhor

António Daniel disse...

Há muitos anos não assistia às festas. Só pude estar presente no Sábado à noite. Uma pequena falha da organização: OS Corvos não mereciam um palco daqueles. Um concerto mais intimista justificava-se. O povo quer fogo de artifício. No Domingo assisti, junto à Igreja Matriz, à procissão. Apesar de prezar muito a racionalidade, não posso deixar de dizer que aquela manifestação é impressionante.

Anónimo disse...

O MELHOR: O facto de se manter a tradição, o culto popular da Nossa Sra de Antime e a sua enorme manifestação de fé, a afluência das pessoas;a introdução de concertos com bandas de musicas do mundo,

O PIOR: A iluminação não funcionou em todo o lado (na rotunda dos bombeiros estava muitas vezes desligada), a animação acaba quando acabam os concertos, a constante maledicência das pessoas aos artistas, à programação, à organização, a animação de rua foi fraca. hoje segunda a animação era só os tambores a tocar no centro.

José Camelo disse...

Fazer feira nos parques de estacionamento e estacionar na feira. Interessante.

fernando disse...

o parque da Feira esta no num estado vergonhoso !!!
cheio de buracos, passeios completamente destruidos, paredes pintadas, lixo.

Nao percebo como os feirantes nao se manifestam

Anónimo disse...

Festa para ser festa tem que ter duas bandas de musica.As cadeiras estiveram muito bem, quase sempre ocupadas muitas form as pessoas que assistiram ao concerto das filarmonicas. O fogo tambem esteve bem olhando à economia do país, de estranhar seria se haver esbanjamento e muitas grandezas
O povo ns festas gosta da procissão do almoço festivo com familiars amigos o resto da animação fica em ultimo lugar

Anónimo disse...

Poderiam voltar a reeditar o festival de música de fafe. Trouxe até fafe muitas bands qu foram lançadas a partir daí e mais alternativaa.

ANTONIO LOPES disse...

SUGESTÕES PARA AS VOSSAS CONCEITUADAS FESTAS 2011: LUCAS & MATHEUS (dupla brasileira) site www.lucasematheus.com, LÉO & LEANDRO (dupla brasileira) sitewww.leoeleandro.com.pt e AGRUPAMENTO MUSICAL IVASON site www.ivason.com. Contactos: ANTÓNIO LOPES 960195669/913729192, endereço electrónico:antonio.alproducoes@gmail.com.
Faculto orçamento desde que solicitado.
Agradeço o favor de acusarem a recepção deste conteúdo.